55 - Nascido de Deus

  Nascido de Deus

 

Eu amo compartilhar sobre o amor de Deus, especialmente, sobre o amor Dele para conosco como um Pai. Se eu pudesse resumir o desejo mais profundo do meu coração, seria o de ver cada cristão entendendo que eles são nascidos de Deus e que agora pertencem à família Dele.

Foi em algum lugar da história que o inimigo roubou o Corpo de Cristo e os privou de conhecerem a si mesmos(membros do corpo) como filhos de Deus, e o relacionamento foi substituído por religião.

Através da religião,o inimigo deformou o modo em que vemos a nossa posição em Deus; esse conceito foi rebaixado com o passar dos séculos. Verdadeiramente, é somente através da pura revelação que é nos dada pelo Espírito Santo, que seremos capazes de contornar o engano da religião, em cada um de nós.

Orar em línguas é um dom tão precioso, pelo fato de não permitir que fiquemos vinculados à uma vida distante do Amor Verdadeiro. Eu creio que a maior revelação que a Igreja pode receber está ligada à descoberta de  “quem somos quando nascemos de Deus.”

Estamos em uma geração que está saindo da sombra da religião, por estar descobrindo a linda família à qual pertence,e através dessa descoberta, estamos simplesmente vendo o quão amados nós somos por Deus. Ele sempre desejou ter-nos como família; é o plano Dele para cada pessoa nascida, que ela desfrute de um relacionamento incrível com Ele, como sendo o Seu Pai Celestial.

Nenhum ser humano deveria deixar de aproveitar o Amor Dele e a Vida Dele, pois na criação da humanidade, Deus colocou esse amor e essa vida dentro do homem, de apenas um homem, o qual ele chamou de Adão. Ele era a exata imagem de Deus, tão perfeito quanto Deus é perfeito,  tão santo quanto Deus é Santo.

Adão olhou para Deus diretamente em Seus olhos e não sentiu-se envergonhado ou inferior, sentiu somente paz , segurança e amor. Eles andaram untos, onversaram, pois ele possuía a mesma natureza de Deus dentro dele, portanto tiveram comunhão um com o outro. Mesmo com o companheirismo entre eles, Deus ainda não estava satisfeito, como está escrito: “E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea ”(Gênesis2:18).

Deus não disse que Adão estava solitário, porque ele não estava. Ele estava completo em seu relacionamento com seu Pai. Eu imagino que Adão tenha conversado sobre assuntos variados com Deus, compartilhado, no tempo em que estiveram juntos. Eu posso imaginar Deus e Adão, sentados numa pedra, e todas as espécies queforam criadas desfilando na frente deles, e Adão dando os nomes para cada uma delas. Não sabemos, exatamente, quanto tempo ele passaram juntos antes que Eva fosse criada, mas sabemos que Adão não estava solitário.

A palavra sozinho, que é usada aqui, significa singular; Deus está simplesmente dizendo que um filho não é o objetivoD ele. De fato, o projeto de Deus, desde o princípio, era o de ter muitos filhos, correndo ao Seu redor. O coração de Deus era o de ter bilhões e bilhões de filhos

, regozijando-se mutuamente, e especialmente, desfrutando Dele. Deus queria andar e falar com cada um deles diariamente, como Ele fez com Adão, e é por isso que Ele criou Eva.

Adão e Eva receberam a ordem para “serem férteis ,multiplicarem e encherem a Terra.” Dentro de Adão estava contida toda a raça humana, pois ele era a semente de todos os humanos. Você, eu e cada pessoa que já nasceu, viemos de Adão; até a mulher dele, Eva, veio de sua costela, e não do pó da terra.

Saiba que as diferentes cores de pele, cabelos, formato do nariz, olhos e altura, de cada ser humano, tiveram a sua origem em uma só pessoa: Adão! Algumas vezes, eu imagino como ele seria fisicamente, pelo fato de ter tanto dele em mim.

Na próxima vez, que você for comer um pedaço de fruta, como uma laranja por exemplo, tire um momento e localize as sementes. Se você pegar uma daquelas sementes e plantá-la na terra, ela irá crescer e se transformará numa árvore; não apenas qualquer árvore, mas uma que produzirá laranjas, exatamente iguais ao fruto de onde a semente veio. Cada semente traz em seu interior o poder  de se reproduzir.

Então, se você estudou a história daquela exata laranja, você poderá encontrar a mesma árvore de onde ela veio. O fruto da laranja veio de uma árvore, que veio de uma semente, que veio  de uma laranja, que veio de uma árvore, que veio de uma semente, que veio de uma laranja, que veio de uma árvore. Se continuássemos voltando de árvore em árvore, através dos anos, dos séculos, chegaríamos à primeira  árvore de laranja  criada por Deus no Jardim do Éden.

Hoje toda laranja ao redor do mundo pode ser analisada retroativamente até à árvore primitiva, que tinha o poder de se reproduzir e encher a Terra, com laranjas.

O plano era para que Adão espalhasse a natureza de Deus pelo mundo; originalmente, era  para que a família de Deus nascesse sobre a terra, um de cada vez. Contudo, pelo fato de o pecado ter entrado no jardim, a natureza de Adão e Eva, foi transformada de luz para trevas; é essa natureza de trevas do pecado, que  recebemos de Adão.

Os homens, geração após geração, passaram a nascer com uma natureza de trevas ao invés de nascer com uma natureza de luz. A Terra inteira foi mergulhada na turbulência com a falha de Adão. Nós nunca deveríamos passar pela morte, doença ou sofrimento; nunca deveríamos ver o inferno. Esse não era o plano de Deus.

Em Romanos 5:17-19, lemos: “Porque, se pela ofensa de um só,a morte reinou por esse, muito mais os que recebem a abundância da graça, e do dom da justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo. Pois assim como por uma só ofensa veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a graça sobre todos os homens para justificação de vida. Porque, como pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de um muitos serão feitos justos.

Deus criou um plano, cujo nome é Jesus, que veio como o último Adão. Através de Jesus, Deus pode cria uma nova família de filhos, que nasceram pela primeira vez na família do primeiro Adão, mas que agora poderiam, por causa do sacrifício de Jesus na Cruz, nascerem pela segunda vez (nascidos de novo) na família de Deus. Portanto Jesus tornou possível que o Pai Dele se tornasse nosso Pai!!!

No exato momento, em que você nasceu de novo, você nasceu na Família Dele; Ele deseja ter um relacionamento com você. Não permita que as suas circunstâncias estejam-lhe privando dessa comunhão tão preciosa que Ele deseja ter com você. Vamos nos desvencilhar da religião que tenazmente nos assedia, que tem sido passada para nós; vamos correr para a presença de Deus.

Conte à Ele sobre o seu dia, suas preocupações, abra o seu coração; Deus não irá rejeitá-lo(a). Ele está aguardando por esse momento de intimidade.

Seu amigo,                                                                             

                                                     

ASSINATURA ALAN

Imprimir Email

Offcanvas

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Download Free Premium Joomla Templates • FREE High-quality Joomla! Designs BIGtheme.net