68- Compreendendo o Perdão

Compreendendo o Perdão

       Eu costumava rotular-me assim:  "Rei de Varrer o Pó". O que eu queria dizer com isso é que eu errava e errava tantas vezes, que também aprendi a levantar-me e varrer o meu passado. Com todas as minhas lutas, tive dificuldade para abandonar os meus erros do passado. Mesmo querendo avançar em meu relacionamento com Deus, eu me sentia desanimado , porque eu não conseguia abandonar algumas das minhas falhas. E a minha mente ficava relembrando cada erro diversas vezes.  As minhas emoções  me diziam que eu era inútil para Deus e que Ele não iria me querer até que eu mudasse. Parecia que eu estava acorrentado às minhas experiências passadas e elas não queriam me deixar. Eu realmente queria seguir em frente, mas  precisava de ajuda.

       Eu quero compartilhar com vocês a principal revelação  que me libertou de todos os meus fracassos do passado e permitiu-me passar tempo com Deus, mesmo enquanto eu estava superando as coisas.    Tudo começou com Jesus causando um pouco de problema com os fariseus que estavam chateados, pois bem na frente de todos, Ele havia acabado de dizer ao homem paralítico que os seus pecados haviam sido perdoados. Os fariseus estavam prontos para matar Jesus porque eles não sabiam mais o que fazer com Ele. Só Deus poderia perdoar os pecados, então começaram a acusar Jesus de blasfemar e de estar louco, devido à sua declaração. No entanto, para provar que Ele poderia perdoar pecados, Jesus foi adiante e curou aquele homem.

       Antes de Jesus estar caminhando sobre esta Terra, Deus havia sido muito claro sobre a forma do homem obter o perdão de seus pecados. Todos os anos,  os israelitas levariam um cordeirinho perfeito para o Sumo Sacerdote no templo e pedir-lhe-iam para sacrificar o cordeiro no lugar de seus pecados para aquele ano. A função daquele cordeiro era tomar  o lugar de castigo do homem diante de Deus. O sangue daquele cordeirinho inocente seria derramado para cobrir os  pecados do homem até que ele  retornasse no ano seguinte.

       Então, você pode imaginar a indignação que estes sacerdotes sentiram, quando viram Jesus andando por todo lado, perdoando à todos de seus pecados? Ele desviou os sumos sacerdotes de seus rituais  e perdoou o povo. Jesus foi capaz de agir como o Cordeiro de Deus e libertá-los do pesado fardo de seus passados. O Cordeiro de Deus estava tomando a plena responsabilidade por seus pecados e colocando-o sobre Si.

       A culpa me conectou a um  fardo de fracassos passados e desejava ser livre. Eu pensava que  precisava de algum tipo de serviço especial ou de uma oração de libertação, mas o que realmente precisava era de uma revelação do Amor de Deus por mim. Quando descobri o quanto sou amado pelo meu Pai Celestial, o quanto Ele quer que eu tenha sucesso, fui liberto do meu passado. Embora alguns falem que devemos aprender com os erros do passado, precisamos também aprender que está tudo bem quando  deixamos os erros para trás, e avançamos para a vitória.

       O Livro de Isaías 54:8-10, nos fala sobre o que Deus fez com respeito ao nosso relacionamento com Ele e o nosso passado:

“Com um pouco de ira escondi a minha face de ti por um momento; mas com benignidade eterna me compadecerei de ti, diz o Senhor, o teu Redentor.Porque isto será para mim como as águas de Noé; pois jurei que as águas de Noé não passariam mais sobre a terra; assim jurei que não me irarei mais contra ti, nem te repreenderei. Porque os montes se retirarão, e os outeiros serão abalados; porém a minha benignidade não se apartará de ti, e a aliança da minha paz não mudará, diz o Senhor que se compadece de ti.”

       Deus tem um relacionamento de paz com você, e não há nada que você possa fazer que destruirá esta aliança. O diabo irá fazer o melhor dele para que você se afaste de Deus, mas Deus nunca irá   se afastar de você. Como é maravilhoso ter alguém que nunca nos abandonará. Jesus experimentou a sensação de ser abandonado quando Ele estava mais vulnerável.

       Em Mateus 27:46 se lê: “E perto da hora nona exclamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni; isto é, Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?” que quer dizer, “Meu Deus, Meu Deus, por quê me abandonaste?”  No momento que Jesus mais precisava do Seu melhor amigo, o Seu Pai,  Deus se virou e tirou o Seu olhar do Dele.  Deus se virou e tirou o Seu olhar de Jesus para que jamais Ele o fizesse para conosco. Portanto, não importa o quão feio o seu passado foi, você tem um Pai que nunca ficará com raiva de você.  Entenda que o seu Pai Celeste não deseja somente que você tenha sucesso; Ele criou uma maneira para você ter sucesso. Você foi liberto do fardo de seus erros passados.

       "E se eu falhar de novo?" é a próxima pergunta que vem à nossa mente. Por que eu deveria esperar pelo perdão de Deus se há uma boa chance de que eu caia novamente no mesmo erro? Lembre-se sempre de que você tem um Pai que te ama e Ele nunca irá desistir de você. Ele desejou tanto a sua comunhão que tornou possível que você esteja perto Dele como se você fosse perfeito, antes de você ser perfeito.

       Em 1 João 1:9 está escrito: "Se confessarmos". Se você cair mil vezes, Ele estará lá. Basta pedir perdão e confie que aos olhos Dele você já é perfeito. Aprenda com seus erros passados, mas também abandone-os, porque Deus já o fez.

       Quando as suas emoções se levantarem e começarem a argumentar, por meio de justificações que parecem corretas,  dizendo que Deus nunca será capaz de usá-lo novamente; quando pessoas ao seu redor começarem a dizer que você não tem o direito de seguir em frente; quando o diabo lhe dizer que você blasfema e é louco por acreditar que Deus o ama, enfim, nesses momentos de confronto, lembre-se de que Jesus já retirou a carga do seu passado, e que Nele Deus perdoou o seu pecado.

       Acredite: você não precisa da aprovação de ninguém para seguir em frente com a sua vida, pois o seu Pai Celeste  já o aprovou.

       Não permita , por um momento sequer, que o seu passado dite o seu futuro. Mesmo que o seu erro tenha acontecido nesse exato momento, olhe e veja a Graça de Deus diante de você, o aguardando. Você está à apenas um passo da  Graça , da Misericórdia e do perdão Dele; basta pedir-Lhe, e, em seguida, não olhe mais para trás.

       Jesus não veio para ser apenas o seu Salvador; Ele também veio a ser o seu Cordeiro.

       Ele veio e levou cada pedacinho da sua vergonha por ter falhado, cada pedacinho da sua condenação por ter magoado as pessoas, e cada pedacinho do Juízo que estava sobre você por ter pecado, para que você não precisasse ter que fazer isso. Ele já tomou o seu lugar, então, vamos parar de viver no passado e vamos avançar para a vitória, olhando para Ele, o Autor e Consumador da nossa fé!

       Seu amigo,

                                                                       Alan Taylor

Imprimir Email

Offcanvas

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Download Free Premium Joomla Templates • FREE High-quality Joomla! Designs BIGtheme.net