99- Pegue a sua cruz

Pegue a sua cruz

Servir a Deus buscando a santidade, orando, obedecendo a Deus, jejuando, lendo a  Bíblia, adorando; estas são práticas pessoais que estão profundamente enraizadas na tradição da Igreja.

Esses princípios de fé podem ser resumidos nas simples palavras de Jesus quando Ele disse: "Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo e tome sua cruz diariamente, e siga-me. ” Lucas 9:23.

Todos os homens e mulheres  que mudaram o mundo, citados nas escrituras e os que viveram em outras eras, são os que  dedicaram as suas vidas em servir a Deus e viveram essas práticas. Eles vieram de todos os tipos de origens, culturas e raças; homens e mulheres na história do cristianismo, que viram Deus trabalhar através deles, extraindo  as riquezas, carnalidades e posições,  jogando tudo fora, por meio dessas   mesmas práticas que nos trarão vitórias incríveis!

O mundanismo é atraente para todos e falsamente promete satisfação e gratificação ao passo que assumir a nossa cruz é realmente o único caminho possível para encontrarmos o verdadeiro cumprimento das Promessas de Deus e obtermos a verdadeira Vida.

Há um excelente exemplo de um homem no Antigo Testamento que tentou  usar as suas próprias  obras para servir a Deus. Na minha opinião, ele é a melhor prova de que o melhor caminho a ser seguido é o caminho que nos leva para a cruz de Cristo,  para vivermos a nossa vida cotidiana e voltarmos ao básico de vivermos para Deus.

Vamos olhar para a vida do rei Salomão, que era conhecido como o mais sábio e o homem mais rico do planeta. Veja 1 Reis 4: 29-30 : Deu também Deus a Salomão sabedoria, grandíssimo entendimento e larga inteligência como a areia que está na praia do mar. Era a sabedoria de Salomão maior do que a de todos os do Oriente e do que toda a sabedoria dos egípcios”.

Os reis e rainhas de seu tempo olhavam para ele e se maravilhavam das suas riquezas e sabedoria. Em um dos capítulos mais impactantes das escrituras, podemos ouvir da sabedoria de um rei idoso ao observar a  sua  vida repleta de abundância e realizações.

Por favor, leia cuidadosamente o que ele prega sobre a vida deste mundo em Eclesiastes 2: 1-11 : “Disse comigo: vamos! Eu te provarei com a alegria; goza, pois, a felicidade; mas também isso era vaidade. Do riso disse: é loucura; e da alegria: de que serve? Resolvi no meu coração dar-me ao vinho, regendo-me, contudo, pela sabedoria, e entregar-me à loucura, até ver o que melhor seria que fizessem os filhos dos homens debaixo do céu, durante os poucos dias da sua vida. Empreendi grandes obras; edifiquei para mim casas; plantei para mim vinhas. Fiz jardins e pomares para mim e nestes plantei árvores frutíferas de toda espécie. Fiz para mim açudes, para regar com eles o bosque em que reverdeciam as árvores. Comprei servos e servas e tive servos nascidos em casa; também possuí bois e ovelhas, mais do que possuíram todos os que antes de mim viveram em Jerusalém. Amontoei também para mim prata e ouro e tesouros de reis e de províncias; provi-me de cantores e cantoras e das delícias dos filhos dos homens: mulheres e mulheres. Engrandeci-me e sobrepujei a todos os que viveram antes de mim em Jerusalém; perseverou também comigo a minha sabedoria. Tudo quanto desejaram os meus olhos não lhes neguei, nem privei o coração de alegria alguma, pois eu me alegrava com todas as minhas fadigas, e isso era a recompensa de todas elas. Considerei todas as obras que fizeram as minhas mãos, como também o trabalho que eu, com fadigas, havia feito; e eis que tudo era vaidade e correr atrás do vento, e nenhum proveito havia debaixo do sol”.

Ele era um homem que não possuía limites e permitia que os seus olhos e o seu coração possuíssem tudo aquilo que desejasse. Viu que a sua carne nunca ficava satisfeita. Ele percebeu que tudo fora de viver uma vida em Deus era vazio e  vão. Não vamos viver nossas vidas em vão. Podemos impactar este lugar enquanto estamos aqui. O coração do evangelho é para que toquemos alguém com a nossa história, com o nosso testemunho e com o nosso tempo, para não vivermos para o nosso próprio desejo.

Mesmo que  você já esteja  seguindo a Deus e  pareça  difícil se afastar do mundo, não desanime, continue pressionando a sua carne para o caminho da mortificação, porque cada pessoa acabará  chegando à mesma conclusão que o rei Salomão chegou no final de sua vida, que está em Eclesiastes 12: 13-14: De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo homem. Porque Deus há de trazer a juízo todas as obras, até as que estão escondidas, quer sejam boas, quer sejam más.

Não desista de percorrer o caminho da cruz! Você consegue!

Seu amigo,

                                                                  Alan Taylor

Imprimir Email

Offcanvas

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Download Free Premium Joomla Templates • FREE High-quality Joomla! Designs BIGtheme.net