122 - Retornando à Esperança

Retornando à Esperança

Eu já vi isso acontecendo muitas vezes ao longo dos anos. Estou falando sobre pessoas à beira da destruição, aparentemente num lugar de onde nunca se recuperariam. Algumas fracassaram em suas escolhas, e tudo parecia estar acabado para elas, enquanto outras haviam passado por algo tão dramático e esmagador, que parecia ser impossível que elas se recuperassem.

Talvez tenha sido uma crise de saúde ou um casamento que implodiu; poderia ter sido uma grande perda financeira, mas repetidamente tenho visto pessoas superando  todo tipo de circunstâncias , subindo acima das cinzas de toda a destruição, ressurgindo  mais fortes do que nunca.

Lembro-me de um fato ocorrido em nossa igreja, quando uma jovem adolescente engravidou fora do casamento, e parecia que ela havia destruído a sua vida, estando marcada para sempre. Enquanto a sua barriga crescia,  ela não conseguia mais esconder o seu momento de fraqueza, e agora estava exposta a todos os olhares ao redor;  parecia que ela nunca iria superar esse estigma. Parecia que ela estava sob um microscópio construído com as expectativas dos outros, mas Jesus não pensava como eles. Ele ajudou a levantá-la e, alguns anos depois, ela estava com um lindo filho jovem e casada com um grande cara. Lavada no sangue de Jesus e purificada de todo o seu passado.

Posso compartilhar histórias de homens enviados para a prisão, marcados pelo mundo como irrecuperáveis. Julgados inúteis, mas alguns anos depois, estavam vivendo uma vida forte e ressuscitada em Cristo. Essa é a esperança. Este é o poder do Evangelho para os que têm coração partido. Este é o poder do nosso futuro: que, com Deus, somos capazes de superar nossas lutas e o nosso passado.

No momento, pode parecer que todos, incluindo Deus, o abandonaram, mas isso não é verdade; isso é falso.

Está escrito nos Salmos 34:18: “Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito oprimido”.

Deus não foge de nós, quando mais precisamos Dele; Ele fica bem perto de nós para nos salvar e nos erguer!

Eu gostava de praticar muitos esportes diferentes quando era jovem, e de vez em quando eu era atingido com tanta força - geralmente no hóquei ou no rugby, que parecia que o oxigênio dos meus pulmões era removido com tanta força que eu não conseguia respirar,  parecia que eu ia morrer.

Talvez você esteja como eu, naquele momento, se sentindo  incapaz de recuperar o fôlego da vida ou da esperança, mas lembre-se de que você não está sozinho, só  porque você está sentindo alguma coisa, isso não significa que seja verdade. Deus acredita em sua restauração e vitória. Ele estabeleceu um caminho para você se erguer mais forte do que nunca. Ele é o libertador de todo o Seu povo, como está escrito em 1 João 4: 4:  "Filhinhos, vós sois de Deus e tendes vencido os falsos profetas, porque maior é aquele que está em vós do que aquele que está no mundo."

Além de nossas batalhas, podemos encontrar a necessidade de superar a  emoção de turbulência no meio de nossas vitórias. Moisés, enquanto seguia a Deus, estava de frente ao Mar Vermelho, e somente Deus poderia resgatá-lo do exército egípcio com um milagre. José foi do poço à prisão, antes mesmo de ver o seu fim. Foi pedido a Abraão que sacrificasse o seu filho,  depois de anos aguardando pelo milagre. Josué estava vendo a terra prometida, mas foi obrigado a esperar quarenta anos para conquistá-la, por causa da incredulidade dos outros. O apóstolo Paulo foi naufragado e apedrejado ao seguir o caminho de Deus.

Estes e muitos outros enfrentaram devastação, decepção, dúvida, desânimo e destruição, mas acabaram em vitória. Que pensamentos eles tiveram e que emoções eles sentiram, ao se recusarem a abandonar o caminho de Deus, mesmo que isso os obrigasse a confiar completamente em Deus para a sua resposta? Que paciência e confiança foram desenvolvidas entre o coração e o Pai Celestial, na obediência a todas as coisas?

O inimigo é um mestre em despertar nossas emoções em tempos de estagnação, especialmente quando você está esperando a direção de Deus e acreditando em promessas que ainda não aconteceram. O diabo está tentando convencê-lo a mudar de rumo, mas essas emoções são mentirosas e baseadas em opiniões que não vêm de Deus!

Ouça o coração de Davi ao Senhor: Por que estás assim tão triste, ó minha alma? Por que martirizas o meu ser? Põe a tua esperança em Deus! Porquanto ainda o louvarei por tua presença salvadora, ó meu Deus! Salmo 42:11.

Aqui está um homem que seguiu a Deus para matar Golias, com um tiro de estilingue e depois, após essa grande vitória, foi menosprezado e caçado pelo rei Saul, o homem cuja vida ele poupou. Davi também serviu a Deus, mas depois caiu em pecado e se tornou um assassino e adúltero do pior tipo, mas ainda assim ele voltou e se elevou acima do seu passado, a ponto de Deus dizer a Davi: "Ele é um homem segundo o meu coração". Atos 13:22.

Há muitos anos , um querido amigo pastor  se viu em meio à devastação, onde havia perdido quase tudo. Perguntei-lhe: "Como você faz para passar por algo assim?" e a sua resposta foi: "Alan, eu acordo todos os dias e vou trabalhar". “No trabalho ( ele quis dizer buscar a Deus)  eu  oro e  mantenho-me firme na Palavra”. Hoje, ele tem tudo de volta e muito mais! Espero encorajá-lo hoje, e não importa como você  se sinta, você tem o direito de acreditar na Verdade do seu futuro. Você está caminhando ao lado do Rei dos reis, o Senhor dos senhores, nosso Pai cheio de misericórdia, perdão, poder e amor e "se Deus é por nós, então quem poderá  permanecer contra nós?".

Seu amigo,

                                                                  Alan Taylor

 

Search